A importância do facilitador no dia-a-dia do autista

07/03/2013 18:55

O papel do facilitador é funcionar como intermediário nas questões sociais e da aprendizagem.

 
O objetivo é ensinar para a criança com sintomas do espectro autístico como participar das atividades sociais, como se relacionar com crianças da sua idade e o que se espera dela em cada situação, DENTRO DO AMBIENTE ESCOLAR.
 
O faciliatador pode ser qualquer profissional da área da saúde ou educação (fonoaudiólogo, psicólogo, psicopedagogo, professor) que acompanha diariamente a criança inserida em escola convencional,auxiliando no aprendizado do método escolar tradicional e adaptando este à metodologia de estimulação de aprendizagem aprendida pela criança no consultório.
 
Em alguns momentos é necessário traduzir a informação auditiva (ordens verbais) em informações visuais, apontando ou mostrando figuras relacionadas com o que foi dito.
 
O (a) faciliator (a) deverá ter formação em curso de extensão ou de qualificação profissional em Formação de Facilitadores para poder atuar em conjunto com a equipe de profissionais da criança.
 

Pesquisar no site

Contato

Associação Anjo Azul Quadra 104 Norte, Av. Juscelino Kubitschek 103
Plano Diretor Norte - Palmas-TO
CEP: 77006-014